Temos o privilégio em nossa cidade de podermos conhecer um pouco dentre os 6 (seis) Fortes e 2 (dois) Monumentos que fizeram história no Brasil.

FORTALEZA DE SANTO AMARO DA BARRA GRANDE
Está localizada na região sudoeste da ilha de Santo Amaro entre as praias do Góes e Santa Cruz, às margens do estuário santista. É um momento histórico-militar do no século XVI durante o domínio espanhol com o objetivo de defender a Vila de Santos de ataques corsários de piratas. Essa Fortaleza serviu durante o século XVII como presídio político dos oposicionistas da Coroa Portuguesa, sendo restaurada pela primeira vez em 1885. Sendo tombado em 1969 pela Secretaria do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e em 1981 pelo CONDEPHAAT e foi desativada em 1911.

FORTE DOS ANDRADAS
Sua construção teve início em 1934 pelo Tenente Coronel de Engenharia João Luís de Barros e inaugurado em 10 de novembro de 1942, constituindo-se a principal defesa da entrada da baía de Santos ao sul da Ilha de Santo Amaro. O nome seu deu por uma homenagem aos irmãos Andradas que tiveram um papel de destaque na história nacional. o Forte encontra-se a uma latitude de 300 metros do nível do mar, tendo como via de acesso uma estrada pavimentada perfeitamente consevada. Após percorrer-se uma distância de 2000 metros de estrada, depara-se com um túnel cavado no alto do morro com cerca de 500 metros extensão no qual se encontram câmaras e elevadores destinados ao transporte da munição para os obuseiros. Atualmente são conservadas no local a 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea no Guarujá formando um exuberante ponto turístico.

FORTE ITAPEMA
Localizado no Distrito de Vicente de Carvalho, foi construído pelos portugueses para proteção do porto, em 1537.

FORTALEZA DE SÃO FELIPE OU SÃO LUIZ
Datada do século XVI, onde o famoso artilheiro alemão Hans Staden viveu parte de sua vida aventurosa durante 9 meses, quase sendo devorado pelos índios Tupinambás que o aprisionaram. Conseguiu livrar-se, voltando a sua terra na qual escreveu um livro: ”Meu cativeiro com os selvagens do Brasil”. Restando apenas ruínas em meio a mata fechada.

ARMAÇÃO DAS BALEIAS
Localizada próxima à Ermida, teve grande importância econômica no século XVII. De início, pertencia a particulares passando depois coroa portuguesa. Sua construção foi datada em 1699/ 1700. Durante quase um século com a matança de baleias, seu óleo iluminou toda a Baixada Santista e São Paulo. Foi extinta no ano de 1830 com um leilão.

ÊRMIDA SANTO ANTÔNIO DE GUAIBÊ
Construída no século XV extremo nordeste da Ilha a caminho de São Felipe. Lá o Padre José de Anchieta, catequizava os índios e nesse mesmo local Anchieta teria escrito o seu famoso poema: “Milagre dos Anjos”. Sua data de construção é de 1563/ 65 e sua importância deu-se principalmente em meados do século XVII.

PAVILHÃO DA MARIA FUMAÇA
Em exposição na Avenida Puglisi, foi utilizado para transportar os munícipes de Vicente de Carvalho para Guarujá durante mais de 50 anos.

%d blogueiros gostam disto: